publicidade

Símbolo das noivas, o véu não perde a elegância

simbolo noivas veu

Uma noiva que se preze usa véu e grinalda para compor o visual junto com o vestido e demais acessórios. Apesar de atualmente nem todas as mulheres fazerem questão de usá-lo, o véu é um símbolo que caracteriza as noivas. Para os gregos a peça protegia as noivas de maus olhados, enquanto os árabes acreditavam que o véu separa a vida de solteira da vida de casada.

São tantas opções que as noivas podem escolher o que mais se adapta ao seu gosto. Longos, curtos, que cobrem o rosto ou que apenas dão um toque a mais no visual, cada um tem um momento certo de ser usado e um estilo de vestido que mais combina com ele, sem carregar o look.

Para as mais antenadas em moda e que gostam de coisas diferentes, o chamado casquete é uma boa opção. Ele remete ao estilo vintage e pode ser usado em casamentos durante o dia ou à noite. O vestido deve seguir a mesma linha para garantir que a noiva fique harmoniosa.

O véu curto é mais despojado e cai bem para casamentos ao ar livre, durante o dia ou em igrejas menos luxuosas. O médio é indicado para as noivas que não querem nada tão curto nem longo, é o meio termo. Ele fica perfeito para cerimônias realizadas no final da tarde ou no início da noite.

Se o casamento for de grande porte e a igreja tiver um longo corredor, a noiva não pode abrir mão do véu longo. Ele é o mais tradicional e combina com eventos a noite. Para que fique bonito e elegante ele deve ser mais longo do que a cauda do vestido. Se for menor corre-se o risco de ficar estranho.

Há ainda o véu em camadas, que possibilita que a noiva entre com o rosto coberto. Ele é indicado para as noivas mais clássicas, que sonham com o momento em que o noivo descobre seu rosto e coloca o véu para trás. A mantilha também é tradicional e geralmente é feita de renda ou com acabamentos em renda. Por ser chamativa, o vestido deve ser mais simples.




publicidade

Veja também

publicidade