publicidade

Bem-casado - Simboliza união do casal e é uma boa opção de lembrancinha de casamento

Publicado em: 12/01/2011

bem casado opcao de lembrancinha

De doce de leite, chocolate, brigadeiro, creme de limão ou damasco, o bem-casado agrada a todos os paladares. O tradicional doce nunca perde a elegância e ganha novas roupagens, cores e sabores, além de ser envolto em embalagens que seguem a decoração do casamento.

O bem-casado clássico é feito com duas rodelas de pão-de-ló que são unidas pelo recheio - que pode ser de diversos sabores - e passadas em uma calda de açúcar. O doce é cremoso por dentro, com a textura macia e ligeiramente crocante por fora. Há a opção de substituir a calda açucarada por chocolate.

Seu significado traz um toque especial ao matrimônio: as duas partes do bem-casado ligadas pelo recheio simbolizam a união do casal e oferecê-lo aos convidados demonstra o desejo de que o casamento seja duradouro e repleto de felicidade. E não é apenas aos noivos que ele traz bons agouros, segundo a tradição quem prová-lo deve fazer um pedido antes da primeira mordida.

A encomenda dos quitutes deve ser feita com pelo menos quatro meses de antecedência, já que a produção é artesanal e precisa de um tempo mínimo para a produção. A quantidade deve ser calculada de acordo com a quantidade de convidados. Cada pessoa deve receber no mínimo um bem-casado e se os doces forem servidos na mesa de fechamento o cálculo deve ser de pelo menos dois.

Depois de ser embalado com um plástico transparente, que serve para proteger o doce, o bem-casado pode ser envolto em embalagens de papel, tecido, celofane, saquinhos, crepon e amarrado com uma fita de cetim ou ter detalhes em cristais ou strass. Caixas de MDF, vidro ou acrílico também servem como embalagem e incrementam ainda mais o visual.




publicidade

Veja também

publicidade